Colunista
Carille/retranca 
O técnico do Corinthians, Fábio Carille, disse que gostou da atuação de sua equipe no empate em 0x0 com o São Paulo e salientou que o Alvinegro seguirá jogando na retranca sempre que for necessário, como ocorreu durante praticamente todo o segundo tempo do duelo no Morumbi.
Frase
“Marcar (no Corinthians) é histórico. É assim desde o Mano (Menezes, ex-técnico da equipe), em 2008. Sempre foi um time de levar poucos gols. Saio muito satisfeito hoje em relação ao rendimento que tivemos contra o Santos. Hoje, conseguimos ficar mais com a bola e ser mais agudos que contra o Santos. O São Paulo também enfrentou dificuldades”.
De Carille
São Paulo/postura 
O goleiro Tiago Volpi não fez nenhuma defesa na partida do São Paulo contra o Corinthians. O jogador comentou que praticamente só foi acionado para atuar com os pés na saída de bola do time e comentou que já imaginava uma postura mais defensiva do adversário atuando no Morumbi.
Frase
“Pelo que foi o último jogo deles, a gente esperava que eles fossem ter uma postura um pouco mais defensiva. Fomos superiores nos 90 minutos e a bola não entrou. Praticamente não tive nenhuma ação defensiva no jogo, só saídas de jogo mesmo. A equipe fez o que se propôs, que era pressionar e ter chegadas. Infelizmente a bola não entrou. Temos de pensar em ganhar o jogo, não pensar em jogar pelo empate. É ter a mesma postura que tivemos aqui no Morumbi”.
De Tiago Volpi
Pede personalidade 
Apesar da superioridade, o São Paulo não conseguiu furar o bloqueio do Corinthians na primeira final do Campeonato Paulista. Um dos jogadores mais experientes do elenco, o meia Nenê pede personalidade ao time tricolor para sair de Itaquera com o título no próximo domingo (21 de abril).
Frase 
“Nós não tivemos tantas chances claras, mas fomos mais agressivos, normal, estávamos dentro de casa e tínhamos que tentar fazer o resultado. No primeiro tempo estávamos bem no jogo, tivemos umas duas chances no segundo tempo, mas faz parte, é final, está tudo aberto. O time entrou bem, e agora é ter personalidade no próximo jogo para ir em busca do título”.
De Nenê
Alerta Abel Braga 
Nem mesmo a vitória por 2 a 0 do Flamengo sobre o Vasco é suficiente para Abel Braga deixar-se levar pela euforia. Em entrevista coletiva, o treinador foi categórico:
Frase
“A vitória traz confiança, mas foi uma vitória em 90 minutos e esse jogo tem 180. Alertei aos jogadores que não conquistamos nada. Se não jogarmos com a mesma seriedade do segundo tempo… Porque as opções do primeiro tempo, falei com eles, foram horríveis. No segundo tempo, não, com Flamengo muito forte, começando a rodar a bola de um lado para o outro”. 
De Abel Braga
Santos ironiza 
O presidente do Santos, José Carlos Peres, ironizou o Atlético-MG depois do “não” de Jorge Sampaoli. O treinador santista foi procurado pela diretoria do Galo para ser o comandante da equipe mineira, porém o argentino descartou a saída do Peixe de imediato. “Deixemos eles sofrerem (risos). Andam em nossa trilha, um sinal de que estamos indo bem”, disse Peres.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.