Colunista

FOI empossada ontem (28) à noite a nova Diretoria da Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), que comandará a entidade pelos próximos quatro anos. A nova diretoria é liderada pelo presidente Carlos Valter Martins Pedro, industrial de Maringá, e representará 108 sindicatos empresariais filiados, que defendem os interesses de 54 mil empresas de 32 segmentos industriais do Estado. A solenidade marcou a transmissão do cargo, mas Carlos Valter está à frente da Fiep desde o dia 1º de outubro. No dia 30 de setembro ele tomou posse durante Assembleia Geral Ordinária de posse com sua nova diretoria para o quadriênio 2019- 2023, quando foi assinada a ata de posse. A assembleia foi uma formalidade prevista em estatuto para dar início à nova gestão. 

NAQUELA ocasião Carlos Valter destacou a atuação das quatro instituições que compõem o Sistema Fiep – Fiep, Sesi, Senai e IEL, pelo fortalecimento da indústria paranaense. O foco da nova diretoria será reforçar ainda as ações que busquem a sustentabilidade do Sistema Fiep. Já Edson Campagnolo, que encerrou seu segundo mandato à frente da entidade, disse sair com sentimento de dever cumprido. “O maior legado que eu deixo é perceber que a casa continua revigorada, dentro das missões de Sesi, Senai, IEL e Fiep”, concluiu.

PRESIDENTE Bolsonaro quase passou fome no Japão por não gostar da comida (à base de peixe cru). No banquete oferecido pelo primeiro-ministro Shinzo Abe para as delegações estrangeiras, ele nem tocou na comida, que tinha barbatanas de tubarão. Em Tóquio, saiu duas vezes às ruas: em uma comeu um hamburguer; em outra, um filé. E reclamou que o filé custou US$ 30 e que não pagou com cartão corporativo, pelo qual disse que pode sacar até R$ 24 mil por mês. No dia seguinte, miojo, que levou do Brasil.

PRESIDENTE Bolsonaro admitiu que vai se desfiliar do PSL e ficar sem partido. Isto é previsto em lei. Nos bastidores o PSL trabalha para uma fusão com o DEM. A articulação para a fusão foi revelada por áudio gravado pelo deputado federal Daniel Silveira (PSL/RJ) durante reunião da bancada do PSL na Câmara Federal no último dia 16, em meio à briga entre Bolsonaro e a ala do partido que apoia o presidente nacional da legenda, Luciano Bivar, que levou à destituição do deputado delegado Waldir (GO) da liderança da legenda. Ontem Bolsonaro admitiu incentivar a criação de uma nova legenda para se filiar: o Partido da Defesa Nacional. 

TANTO no PSL quando no DEM paranaense, porém, a avaliação é de que a fusão entre os dois partidos no Estado seria politicamente inviável para a eleição do ano que vem. Mesmo assim, é grande a chance de Bolsonaro e seu grupo deixar o PSL.

PRESIDENTE da Câmara Federal, Rodrigo Maia, disse em entrevista ao Estadão, entre outras coisas, que é “suicídio coletivo” tratar das eleições de 2022 neste momento. Maia afirmou, porém, que acha “difícil” Lula ficar elegível, caso sua condenação seja derrubada.

 

TERMINOU domingo a maior festa do chope do País: a 36ª Oktoberfest de Blumenau-SC. Nada menos que 576,5 mil visitantes passaram pela Vila Germânica na semana, local da mais germânica das festas da América. Mesmo assim o público representou 2,7% menos que no ano passado.

 

INSTITUIÇÕES financeiras consultadas pelo Banco Central aumentaram a estimativa para a inflação este ano, segundo a Agência Brasil. A projeção para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA – a inflação oficial do país) subiu de 3,26% para 3,29%, após 11 semanas estável. Para 2020 a estimativa de inflação caiu de 3,66% para 3,60%, na quinta redução seguida. A previsão para os anos seguintes não teve alterações: 3,75% em 2021 e 3,50% em 2022. O principal instrumento usado pelo BC para controlar a inflação é a taxa básica de juros Selic, atualmente em 5,5% ao ano.

PROJEÇÃO para a expansão do Produto Interno Bruto (PIB) – a soma de todos os bens e serviços produzidos no país – subiu de 0,88% para 0,91%. As estimativas para os anos seguintes não foram alteradas: 2% em 2020 e 2,50% em 2021 e 2022. A previsão do mercado financeiro para a cotação do dólar também permanece em R$ 4 para o fim deste ano e para 2020.

COMISSÃO de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa do Paraná começa a discutir hoje (29) a prorrogação dos mandatos dos atuais diretores e diretores auxiliares das escolas da rede estadual de educação básica por mais um ano. De acordo com a proposta os atuais diretores devem permanecer na função até dezembro de 2020. Dessa forma, a eleição dos novos diretores, que ocorre mediante consulta à comunidade escolar a cada quatro anos, e que deveria ocorrer em novembro próximo, será transferida para os meses de novembro e dezembro do próximo ano.

NESTA segunda-feira (28) Bolsonaro disse que ‘lamenta’ a eleição de Alberto Fernández na Argentina e que não parabenizará o novo presidente do país. “Lamento. Eu não tenho bola de cristal, mas eu acho que a Argentina escolheu mal”, disse o presidente ao deixar os Emirados Árabes, onde estava desde sábado (26). Para Bolsonaro Fernandez afrontou o Brasil ao pedir “Lula livre”. 

 

CANDIDATO Alberto Fernandez venceu a eleição presidencial na Argentina, contra o atual presidente Maurício Macri, realizada neste domingo (27) por 47,6%, contra 40,8%. Um dos planos de Fernández – que tem como vice a ex-presidente Cristina Kirchner (2007 a 2015) – para estancar a crise econômica é congelar os preços por 180 dias e garantir um aumento salarial de emergência – a inflação acumulada no último ano está perto de 60%. Candidato do movimento peronista, Fernández era o favorito na eleição, enquanto Macri tentava se reeleger em um quadro de recessão econômica, com inflação alta e aumento da pobreza. 

 

VICE do presidente eleito, Cristina Kirchner foi acuada por denúncias de corrupção desde que deixou a presidência. Atualmente ela é senadora. Sem nunca ter sido eleito para um cargo no Executivo, mas também sem histórico de submissão, Fernández foi escolhido em maio por Cristina para encabeçar a chapa presidencial peronista. Ele havia sido chefe de gabinete de Néstor Kirchner e da própria Cristina, com quem se desentendeu em 2008.

Em agosto, nas primárias que servem como simulado da eleição, o professor universitário de 60 anos surpreendeu ao abrir 16 pontos de vantagem sobre Macri.

AOS 84 anos, ex-presidente do Uruguai, José Mujica, mais conhecido como Pepe Mujica, foi eleito senador. Ele havia renunciado ao cargo no Senado ano passado, quando justificou que “estava cansado da longa viagem” e se afastaria “antes de morrer de velho”. Nas eleições gerais no Uruguai, ocorridas domingo (27), os cidadãos votaram para presidente e vice, deputados e senadores. O partido de Mujica, Movimiento de Participación Popular, que faz parte da coalizão de esquerda Frente Ampla, vai disputar a presidência em segundo turno, tendo à frente o candidato Daniel Martínez, que enfrentará Luis Lacalle Pou, candidato de direita pelo Partido Nacional. No primeiro turno, Martínez obteve 38,6% dos votos, enquanto Lacalle Pou obteve 28,2%.

FRASE: Cabe ao governo corrigir uma infeliz ideia que há muito tempo move alguns políticos e gestores públicos: a ilusão de que o dinheiro público é inesgotável (Editorial da Folha de Londrina).

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.