Colunista
DEVE ser nesta quarta (05) a prestação de contas do governo do Estado relativa ao primeiro quadrimestre do ano na Assembleia Legislativa. Prevista inicialmente para o último dia 29 acabou adiada devido à viagem do secretário da Fazenda, Renê Garcia Junior. Como o balanço aponta queda na receita e aumento na despesa em relação ao mesmo período do ano passado, Garcia Jr deve reforçar os argumentos de que o Estado não tem como pagar o reajuste dos servidores, que estão com os salários congelados desde 2016 e cobram reposição de pelo menos 4,94% relativa à inflação dos últimos 12 meses. 
NEGOCIAÇÕES entre governo e funcionalismo seguem sem avanços. Os sindicatos dos servidores devem se mobilizar para a audiência desta semana como forma de cobrar uma resposta do Executivo para as reivindicações da categoria. O governo alega que os gastos do Estado com pessoal entre janeiro e abril deste ano ficaram em 45% da receita, acima do limite de alerta da Lei de Responsabilidade Fiscal, que é de 44%.
BANDEIRA tarifária para junho de 2019 será a verde, sem cobrança extra nas contas de luz, informa a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Em maio foi acionada a bandeira amarela com acréscimo de R$ 1 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos. A notícia é boa para os consumidores. 
CONCLUSÃO do Banco Central no Relatório de Economia Bancária, divulgado na última semana: maioria dos usuários do cheque especial é da faixa renda mais baixa, de até dois salários mínimos. Segundo o BC, 44% dos usuários do cheque especial têm renda de até dois salários mínimos. Os mais ricos somam 8,8%.
DOMINGO foi um dia triste para as telenovelas. Duas atrizes da TV Globo faleceram. O corpo da atriz e roteirista Flora Diegues, filha do diretor Cacá Diegues, foi cremado na tarde desta segunda-feira (3) no Rio. Flora morreu domingo (02), no Rio, aos 32 anos. Nos últimos três anos, ela lutou contra um câncer no cérebro. A carreira de Flora começou na adolescência no filme “Tieta do agreste” (1996), dirigido pelo pai. Desde então, trabalhou produções como a novela “Deus salve o rei”, exibida pela Globo, e as séries “Questão de família”, do GNT, “Só garotas” (2014), do Multishow, da qual foi protagonista.
Além da formação como atriz, Flora foi roteirista e diretora. Ela estudou teatro por 10 anos no curso Tablado, no Rio, e concluiu a faculdade de cinema na PUC-Rio.
TAMBÉM a atriz carioca Gabi Costa, 33 anos, morreu na noite de domingo (02) por conta de problemas cardiorrespiratórios. Gabi Costa foi internada no Hospital Municipal Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, Zona Oeste da capital fluminense, no começo da tarde, após ser encontrada desacordada dentro de casa. Segundo sua assessoria de imprensa, assim que chegou na unidade hospitalar, ela sofreu uma parada cardiorrespiratória e não resistiu. De acordo com a assessoria da SMS, a morte cerebral da atriz foi confirmada ainda na noite de domingo e a família autorizou a doação de órgãos. Em seu último trabalho, a atriz fez duas aparições na novela “Órfãos da terra”, exibida pela TV Globo. Na trama, Gabi interpretava a síria Nazira, mulher do médico Faruq (Eduardo Mossri).
PESQUISA do Instituto Idea Big Data mostra que o presidente Jair Bolsonaro está perdendo os eleitores que votaram nele no 2º turno – os antipetistas. A pesquisa divulgada pelo Estadão destaca que o desembarque se dá pela persistência da crise econômica e do desemprego em níveis elevados. Maior parte dos eleitores que optaram por Bolsonaro e hoje rejeita o governo é formada por mulheres com idade entre 25 e 40 anos, integrantes das classes B e C, não evangélicas e que vivem em cidades com mais de 200 mil habitantes nas regiões Norte e Nordeste. A soma dos eleitores que aprovam totalmente o governo era de 49% em janeiro, mas agora é de 31%. Já a soma dos que desaprovam subiu de 21% para 36% entre janeiro e maio.
ONDE foi parar o dinheiro arrecadado com multas de trânsito? É o que o Ministério Público de São Paulo quer saber e abriu inquérito para investigar o destino das multas de trânsito aplicadas na cidade de São Paulo e quanto a Prefeitura arrecadou. No trimestre deste ano foram aplicadas em S. Paulo quase sete milhões de multas, segundo o MP.
TRIBUNAL de Contas do Estado marcou o seu aniversário de 72 anos de criação nesta segunda-feira, dia 3 de junho, com a palestra sobre o tema Tribunal de Contas e a Sociedade  Os palestrantes foram o historiador Leandro Karnal e o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto. 
MINISTRO Gustavo Henrique Rigodanzo Canuto é paranaense de Paranavaí. É formado em Engenharia de Computação pela Unicamp e Direito pelo Centro Universitário de Brasília (UniCEUB). Atual ministro do Desenvolvimento Regional, foi chefe de gabinete do ministro da Integração Nacional entre 2015 e 2017 e assumiu a Secretaria Executiva da pasta em agosto de 2018. Trabalhou em órgãos federais, como as Secretarias de Aviação Civil e Geral da Presidência da República e a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).
SITE Congresso em Foco divulga a lista de deputados que respondem a acusações criminais. Houve uma redução com as eleições do ano passado: de 178, agora são 93 parlamentares suspeitos de crimes que vão desde corrupção, lavagem de dinheiro, e crimes contra a Lei de Licitações e eleitorais.
Do Paraná, sete parlamentares estão na lista e Boca Aberta (Pros), é quem responde ao maior número de processos (24), a maioria deles por calúnia, injúria e difamação. Nesta lista, também Felipe Barros (PSL); Gleisi Hoffmann (PT); Luiz Nishimori (PR); Ricardo Barros (PP); Vermelho (PSD); Sérgio Souza (MDB) e Zeca Dirceu (PT).
BANCO Central recebeu 11.628 reclamações contra todas as instituições financeiras no 1º trimestre. A maioria das reclamações é relacionada com a oferta ou prestação de informação a respeito de produtos e serviços de forma inadequada e irregularidades relativas aos cartões de crédito.
PESCA é uma atividade realizada em todo o mundo. No entanto o que poucos sabem é que existem muitos equipamentos de pesca abandonados no oceano ameaçando espécies da vida marinha. A isso se dá o nome de pesca fantasma. Segundo a organização não governamental (ONG) Proteção Animal Mundial, 10% do lixo plástico marinho que entra nos oceanos todos os anos é equipamento de pesca perdido ou abandonado nos mares. A ONG lançou neste mês a 2ª edição do relatório Fantasma sob as Ondas. 
ESTUDO mostra que a cada ano 800 mil toneladas de equipamentos ou fragmentos de equipamentos de pesca, chamados de petrechos, são perdidos ou descartados nos oceanos de todo o planeta. No Brasil estima-se que 580 quilos desse tipo de material seja perdido ou descartado no mar todos os dias.
FRASE: Primeira regra da saúde mental: aprender a distinguir quem merece uma explicação, quem merece apenas uma resposta e quem não merece absolutamente nada (Popular).

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.