Cotidiano
O governador Carlos Massa Ratinho Junior participou nesta quarta-feira (16) da inauguração do Centro de Treinamento e Desenvolvimento de Novos Produtos para os segmentos de panificação e cervejaria Akademie Ireks & Agrária, em Guarapuava, no Centro-Sul do Estado. O Centro é uma parceria entre a Ireks do Brasil (empresa de origem alemã) e a Cooperativa Agrária e foi idealizado para que os clientes dessas marcas possam testar e aprimorar seus produtos antes de lançá-los no mercado.
O governador destacou que a iniciativa se soma às estratégias estaduais de estimular o desenvolvimento tecnológico do agronegócio e a industrialização dos produtos primários do campo. Ele também afirmou que esse centro é importante para ajudar a consolidar o Paraná como referência tecnológica em segmentos que estão crescendo rapidamente.
“Temos incentivado a indústria de transformação de alimentos entre as nossas cooperativas. É uma maneira de conquistar novos mercados e levar os produtos paranaenses a mais lugares”, disse Ratinho Junior. “A Agrária e a Ireks investiram cerca de R$ 25 milhões nesse centro de qualificação profissional para padeiros, confeiteiros e mestres-cervejeiros. Esse novo olhar qualifica o produto final para o mercado consumidor e tem potencial de gerar mais empregos no Estado”, acrescentou.
O governador ressaltou que os investimentos tecnológicos das cooperativas paranaenses – serão cerca de R$ 2 bilhões apenas neste ano em infraestrutura e novos modelos de negócios – e o apoio da administração estadual em logística e segurança são fundamentais para garantir não apenas a continuidade desse processo de evolução, mas a segurança alimentar do mundo. “Nós produzimos em quantidade e variedade, status que nos permite competir em grau de igualdade com os países desenvolvidos. Isso se deve à organização e ao olhar para a inovação das nossas cooperativas”, complementou Ratinho Junior.
AKADEMIE – A ideia da Akademie Ireks & Agrária é receber empreendedores interessados em idealizar e testar novos produtos, inclusive para o mercado de cervejas artesanais, que cresceu 35% apenas no ano passado no País. A estrutura conta com laboratórios de desenvolvimento e controle de qualidade, panificadora e cervejaria experimentais, além de mestres padeiros e cervejeiros.
Segundo Jorge Karl, diretor-presidente da Agrária, cooperativa que tem participação societária na Ireks, o Paraná passa a contar com laboratório similar aos da empresa na Alemanha, Áustria e República Tcheca.
INTEGRAÇÃO – O cônsul-geral da Alemanha, Axel Zeidler, que participou da inauguração, disse que o Paraná e as empresas parceiras no centro de treinamento já praticam um desenvolvimento sustentável com olhar no futuro da geração de emprego e na preservação do meio ambiente. “Nós conseguimos criar riqueza e também sociedades com bem-estar social. Isso se faz com educação profissional”, disse. “O Paraná acolheu refugiadas alemãs da Segunda Guerra Mundial, tem uma crença solidária. Nós temos que cooperar entre os países e criar sociedades que têm maior chance de crescimento sustentável”, destacou.
PRESENÇAS – Estiveram presentes na inauguração o secretário estadual da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara; o diretor-presidente da Invest Paraná, Eduardo Bekin; o prefeito de Guarapuava, César Silvestri Filho; os deputados estatuais Cristina Silvestri e Artagão Júnior; e o diretor da Ireks Alemanha, Stefan Soiné.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.