Cotidiano
Durante uma perseguição, na noite de domingo (31 de março), policiais militares sofreram acidente na PR-463, entre Nova Esperança e Paranacity. Dois deles continuam internados no Hospital Metropolitano de Sarandi.
A viatura era ocupada por três policiais. Eles iniciaram a perseguição em Nova Esperança, quando tentaram fazer a abordagem de um Cruze, mas o motorista não parou. Assim que chegaram ao trevo de Paranacity, os veículos colidiram.
Os três conseguiram sair antes que o fogo consumisse todo o carro. Foram levados para atendimento médico e um deles, Flávio Benassi Junior, recebeu alta. O soldado Anderson Alexandre precisou passar por uma cirurgia no fêmur. Já Felipe Augusto Guarnieri continua na UTI, em estado grave.
O motorista do Cruze, veículo roubado e com placas clonadas, foi jogado para fora do automóvel na hora do acidente. Dirigia em alta velocidade quando aconteceu a colisão com a viatura policial e morreu no local. Foi identificado como Sandro Cesar Golo.
De acordo com a Polícia Militar, possuía passagens por envolvimento em homicídio qualificado, associação criminosa e tráfico. A mulher que estava com ele no Cruze foi levada para o hospital e, assim que recebeu alta médica, seguiu para a delegacia, para responder sobre o carro roubado e a arma, as 112 munições e as placas falsificadas que estavam no veículo.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.