Destaque

JULIA CHAIB E RENATO MACHADO
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) – O senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) chamou o senador Renan Calheiros (MDB-AL), relator da CPI da Covid-19, de “vagabundo” durante a sessão desta quarta-feira (12) da comissão.
“Imagina um cidadão honesto ser preso por um vagabundo como o Renan”, afirmou o filho mais velho do presidente Jair Bolsonaro. A sessão foi suspensa logo após, também em decorrência de votação no plenário do Senado.
Os senadores discutiam o pedido de Renan para prender o ex-secretário de Comunicação da Presidência Fabio Wajngarten por ter supostamente mentido durante depoimento à CPI.
O presidente da comissão, Omar Aziz (PSD-AM), porém, afirmou que não é “carcereiro de ninguém” e disse que não irá prender Wajngarten.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.