Destaque

De acordo com laudo do Instituto Médico Legal, Odair Galhardo, de 54 anos, foi assassinado com seis tiros na cabeça e região lombar, na manhã desta sexta-feira (28). A prefeitura de Santa Cruz de Monte Castelo decretou luto oficial.

Além de atuar como vice-prefeito, de 2005 a 2008, Galhardo também foi presidente do Sindicato Rural de Santa Cruz de Monte Castelo, de 2005 a 2016. E assumiu a chefia do IAT em fevereiro do ano passado.

O Consórcio Intermunicipal da APA Federal do Noroeste do Paraná (Comafen), que atua na preservação ambiental, e do qual Galhardo fazia parte, também divulgou nota de pesar pelo falecimento. O corpo ainda encontra-se no Instituto Médico-Legal (IML) de Paranavaí e, após a liberação, será realizado o velório, em Santa Cruz de Monte Castelo. O sepultamento será amanhã, sábado (29) em horário ainda não confirmado.

ENTENDA O CASO

O crime aconteceu por volta das 07h da manhã desta sexta-feira (28). O corpo de Odair Galhardo foi encontrado por funcionários do parque ao lado de seu veículo, ainda em funcionamento, com marcas de pelo menos três tiros nas costas na entrada do Parque Estadual de Amaporã.

Funcionários do antigo IAP, atual Instituto Água e Terra (IAT), disseram que Odair morava em Santa Cruz de Monte Castelo, e diariamente vinha a Paranavaí, onde chefiava o Escritório Regional há quase um ano e meio. Ainda de acordo com os colegas de trabalho, era rotina do chefe passar pelo parque para conversar com os funcionários.

A polícia trabalha com a hipótese de execução, por se tratar de local ermo, sem testemunhas e sem câmeras de segurança. Ainda de acordo com o delegado-chefe de Paranavaí, Luiz Carlos Manica, a Polícia não descarta a possibilidade de o crime ter sido cometido por desavença pessoal ou retaliação pelas atividades de fiscalização desenvolvidas pelo antigo IAP.

O corpo foi recolhido pelo IML de Paranavaí e vai passar por perícia. Odair Galhardo tinha 54 anos, e antes de assumir o Escritório Regional do IAT foi vice-prefeito de Santa Cruz de Monte Castelo.

(Com informações do Portal da Cidade – Paranavaí)

2 comentários sobre “Atualização sobre o assassinato do chefe regional do IAP de Paranavaí

  1. Gente que barbaridade eu Adao conheço toda familia pois fui gerente de uma empresa na epoca de 1977 a 1980 em sta cruz ele era um garoto quando eu frequentava a casa de seus pais o meus sentimentos a familia

  2. Pessoa boa, trabalhador pai de família, que Deus conforte o coração dos familiares e que a justiça seja feita, que os autores sejam identificados o mais rápido possível e que sejam sentenciados com os rigores da lei.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.