Cotidiano

Valter Roberto Scaramal, de 65 anos, foi encontrado morto no hotel Marcotel, no município de Terra Rica, na manhã deste domingo (13). De acordo com a reportagem do programa Balanço Geral, da TV Record, veiculado no último dia 4 de setembro, o idoso havia confessado ter estuprado a neta de nove anos, após ser questionado pela esposa, avó da criança. O crime aconteceu em Osasco, região metropolitana de São Paulo.

Créditos: Balanço Geral – TV Record.

“Eu sou abusada. Meu avô abusa de mim”, essa foi à frase da menina para a sua avó. Depois da denúncia, o idoso pediu afastamento da empresa em que trabalhava como caminhoneiro em Osasco e fugiu para Terra Rica, no noroeste do Paraná, onde se hospedou em dois hotéis. A Polícia Civil de Osasco estava há procura dele.

O proprietário do Marcotel, Marco Antônio, disse ao Diário do Noroeste que o idoso havia se hospedado há oito dias e aparentava estar muito tranquilo. “Ele ficou cerca de 18 dias em Terra Rica, foram 10 dias no Grande Hotel e depois veio para cá, onde ficou por mais oito dias. Em nenhum momento apresentou estar nervoso. Estava muito calmo, conversava comigo e fumava um cigarro também”, contou o empresário que também é proprietário da rádio Terra HD FM.

A neta ainda afirmou aos familiares que os abusos sexuais aconteciam há pelo menos três anos. Na reportagem do Balanço Geral, Scaramal enviou um áudio à família dizendo que foi fraco. “Já fiz a merda. Eu fui fraco, uma besta humana”, disse.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.