Destaque

Raphael de Paula, de 28 anos, morreu após se afogar na tarde deste domingo (6) na prainha de Porto Rico, no Noroeste do Paraná. De acordo com o Corpo de Bombeiros de Paranavaí, ele e mais um amigo estavam tomando banho no rio e não conseguiram voltar para a margem.

Algumas pessoas que presenciaram a cena tentaram socorrer, mas apenas o amigo conseguiu ser resgatado. A corporação foi acionada e encontrou o corpo de Raphael a aproximadamente 50 metros de onde a vítima havia se afogado.

O acidente aconteceu após o Ministério Público enviar um ofício ao prefeito Evaristo Volpato, pedindo a interdição da prainha de Porto Rico. As rampas que dão acesso ao rio chegaram a ser fechadas pela manhã, mas foram reabertas em seguida.

A preocupação do MP é com o grande número de turistas que foram até lá para passar o feriadão.

Estima-se que entre 15 mil e 18 mil pessoas tenham visitado Porto Rico, causando aglomerações, sendo que a recomendação é manter o distanciamento social, em razão da pandemia de Covid-19.

Em entrevista ao Diário do Noroeste, publicada na edição deste fim de semana, o chefe regional de Vigilância em Saúde, Walter Sordi Júnior, já havia manifestado preocupação com o turismo nas prainhas do Noroeste do Paraná, destacando o fato de aglomerações de pessoas elevarem de maneira significativa os riscos de transmissão

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.