Destaque

A equipe do Diário do Noroeste percorreu algumas escolas de Paranavaí na manhã deste domingo (15), para acompanhar de perto o processo eleitoral. De acordo com as equipes da Justiça Eleitoral que atuavam nos colégios, a situação se manteve tranquila na maioria dos lugares.

Chefe de Cartório da 72ª Zona Eleitoral de Paranavaí, Alethéia Barros Aparício informou que até o início da tarde, cinco pessoas tinham sido presas por crimes eleitorais. Uma na madrugada de domingo e quatro durante a manhã, por fazerem boca de urna.

A propaganda boca de urna é a atuação de cabos eleitorais e ativistas que abordam os eleitores que se dirigem à seção eleitoral, antes de votarem, com o objetivo de promover e pedir votos para candidato ou partido.

A regra está prevista no artigo 39 da Lei 9.540/97, que dispõe sobre as eleições. Quem viola a determinação legal pode ser punido com detenção de seis meses a um ano ou prestação de serviços comunitários, além de multa que pode chegar a R$ 15 mil.

Foto: Ivan Fuquini

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.