Destaque

Não sou favorável ao fechamento total, mas foi preciso para não perdemos mais vidas, disse o prefeito Stefan Pauka

No último domingo 23, após reunião do COE juntamente como Poder Executivo municipal, com a participação dos vereadores, conselho de segurança e demais autoridades, foi decretado Lockdown no município de São João do Caiuá até 31 de maio.

O decreto estabelece isolamento social rígido e dispõe medidas de contenção à disseminação da Covid-19 no município. Estão previstas restrições de atividades econômicas e comportamentais, controle de circulação de pessoas e veículos em espaços e vias públicas com o intuito de reduzir a propagação da doença.

Segundo o prefeito Stefan Tome Pauka, a medida foi necessária devido ao alto índice registrado de casos positivos da doença na cidade. Pauka afirma que o hospital de campanha está trabalhando no limite de internamento e não há como receber mais pacientes.  “Estamos com dificuldade também na aquisição de cilindros de oxigênio, usando cilindro de oxigênio emprestado de Santo Antônio do Caiuá e muitos profissionais de saúde estão se contaminando com a Ccovid-19”, detalha Pauka.

O prefeito salienta que o comércio local está de parabéns, sempre cumprindo com suas obrigações e cuidados. “Lamento por essa decisão, mas foi preciso tomar uma atitude drástica para fazer as pessoas ficarem em casa. Não sou favorável ao Lockdown, mas foi preciso para não perdemos mais vidas”, finalizou o prefeito.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.