Destaque

Em entrevista exclusiva ao Diário do Noroeste, o candidato do PSC falou sobre as propostas de governo e a promoção do desenvolvimento de Paranavaí

O trabalho à frente da Sociedade Civil Organizada de Paranavaí motivou Demerval Silvestre: decidiu se candidatar a prefeito e atuar de maneira mais efetiva pela cidade. Nascido em Paranavaí, formado em Administração de Empresas e pós-graduado em Gestão Ambiental, ele aposta na gestão compartilhada para cumprir um mandato democrático e com representatividades sociais.
O candidato do PSC afirma que o modelo administrativo é inovador no Brasil e tem garantido resultados animadores em cidades europeias. Se for eleito, criará conselhos consultivos que atuarão diretamente com o Gabinete do Prefeito, apresentando projetos que atendam aos interesses da comunidade. O que se busca, diz Demerval Silvestre, é a participação efetiva da sociedade. “Cada segmento será representado.”
Nesse sentido, pretende resgatar e fortalecer as associações de moradores, dando oportunidades para que a população tenha voz ativa.
Em entrevista exclusiva ao Diário do Noroeste, Demerval Silvestre falou sobre as propostas de governo. O candidato foi recebido pelo diretor e pelo editor-chefe do DN, respectivamente, Sérgio Carvalho e Adão Ribeiro. Foi questionado sobre saúde, educação, geração de empregos e segurança, entre outros itens. A seguir, serão apresentados os principais trechos da entrevista.
De acordo com Demerval Silvestre, a formação da equipe de secretários passará pelo crivo dos conselhos consultivos. “A sociedade civil vai indicar os nomes para compor o primeiro escalão.” A intenção é que haja liberdade de escolha, com apresentação de pessoas tecnicamente capacitadas. “Isso é fazer política democrática.”
Em relação aos servidores municipais, Demerval Silvestre destaca: “Não serão tratados como serviçais”. Prova disso é ter buscado dentro do quadro de funcionários públicos a candidata a vice-prefeita Yeda Santos. Ela também participou da conversa com a equipe do DN: “Vou estar sempre lutando pela mulher, especialmente as que sofrem violência doméstica”. E segue: “Quero trabalhar com os menos favorecidos”.
DESENVOLVIMENTO – O candidato do PSC defende investimentos em projetos que promovam desenvolvimento. É preciso garantir que os produtores rurais tenham acesso ao programa de irrigação, que trará resultados importantes para a produção agropecuária, um dos principais pilares da economia local.
A duplicação da BR-376 de Nova Esperança a Paranavaí foi uma das bandeiras levantadas pela Sociedade Civil Organizada, com participação de Demerval Silvestre. Agora, o grupo trabalha pela ampliação da rodovia até Mato Grosso do Sul, para facilitar e torna mais seguro o tráfego de veículos que fazem o transporte da produção agrícola. “Será uma porta de entrada do desenvolvimento”, avalia o candidato do PSC.
E não é possível falar em desenvolvimento sem citar a geração de postos de trabalho. A visão de Demerval Silvestre é que Paranavaí não pode ter população flutuante, mas precisa criar condições para que as pessoas se instalem e fiquem permanentemente. Uma das propostas do candidato é utilizar os barracões do antigo IBC para a formação de um polo da indústria farmacêutica.
EDUCAÇÃO – Outro ponto destacado por ele é o fortalecimento das instituições de ensino superior. Argumenta que é necessário atrair cursos de período integral – assim, os estudantes paranavaienses não precisarão se deslocar a outros centros urbanos e universitários de diferentes cidades ficarão em Paranavaí por mais tempo, movimentando a economia.
No âmbito municipal, Demerval Silvestre diz que a pandemia de Covid-19 trouxe grandes prejuízos para o sistema de ensino, “mas vai passar”. Como? Buscando assessoria da própria equipe da Secretaria de Educação, porque esses profissionais sabem como lidar com as dificuldades do dia a dia nas escolas de Paranavaí.
SEGURANÇA – O incentivo à educação é também fator de prevenção à criminalidade. Mas quando se trata de segurança pública, é preciso ir além e promover a integração das instituições. Demerval Silvestre fala sobre a aquisição de novas viaturas para a Guarda Municipal e informa que buscará junto ao Governo do Estado armamentos que proporcionem mais segurança para os agentes.
SAÚDE – Na opinião do candidato do PSC, os servidores públicos precisam ter participação mais efetiva nas decisões a Administração Municipal. Assim será possível tornar o sistema de saúde mais efetivo e reduzir as filas de espera para consultas, exames e cirurgias. Ele defende, ainda, que estratégias adotadas em outras regiões do Brasil sejam implantadas em Paranavaí. “Nas cidades onde o problema foi resolvido, vamos buscar o modelo.”
CULTURA – Demerval Silvestre argumenta que é preciso reabrir o Teatro Municipal Dr. Altino Afonso Costa e criar situações favoráveis à promoção de eventos culturais, de forma a estimular a produção local. Para a candidata a vice-prefeita Yeda Santos, Paranavaí conta com um grande elenco de artistas: precisam ser incentivados.
COOPERATIVA – Se for eleito, quer criar a cooperativa de consumo voltada para os servidores municipais. Escolheu o setor mercadista, por acreditar que Paranavaí comporta mais um empreendimento do ramo. Toda a população terá acesso, mas os cooperados comprarão a preço de custo. E parte dos lucros será repassada para os associados.
ENTREVISTAS – Desde a semana passada, o Diário do Noroeste tem publicado entrevistas com os candidatos a prefeito de Paranavaí. O primeiro foi Delegado KIQ (Pode), depois Marcos Aurélio (PSTU), Eduardo Dal Prá (PDT) e Cesar Alexandre (PT). Com a matéria desta edição, o DN conclui a série de entrevistas.

1 comentário em “Gestão compartilhada garantirá governo democrático, diz Demerval Silvestre

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.