Destaque

O valor da multa, de acordo com a Lei Seca, é de R$ 2.934,70, além da suspensão do direito de dirigir por 12 meses, perda da carteira de motorista, retenção do veículo e até a prisão

Um homem de 36 anos foi preso por embriaguez ao volante em Paranavaí, na tarde deste domingo, dia 23. O flagrante foi registrado na Rua Padre Antônio Vieira, no jardim São Jorge. Segundo testemunhas, o motorista do Chevrolet Vectra fez a curva em alta velocidade e bateu em um Chevrolet Corsa, que estava estacionado.

No local, os Policiais Militares verificaram que o motorista, causador do impacto entre os carros, estava com notórios sinais de embriaguez. O teste do bafômetro foi realizado e apontou 1.08 miligrama de álcool por litro de ar expelido dos pulmões do condutor, o que, segundo o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), configura crime de trânsito.

Na colisão, o homem de 36 anos também machucou o rosto e foi encaminhado para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento). Em seguida, os policiais o levaram para a Delegacia de Polícia Civil. Os veículos foram liberados por não possuírem pendências.

Limite do Bafômetro

 De acordo com a Lei Seca, o motorista que apresentar medição igual ou superior a 0,05 mg de álcool por litro de ar espirado será punido com multa de R$ 2.934,70, suspensão do direito de dirigir por 12 meses, perda da carteira de motorista e retenção do veículo. Caso o teste do motorista esteja a níveis acima de 0,34 mg/l, será decretada a prisão por 6 meses a 3 anos, cabendo ao condutor arcar com o valor da fiança para ser liberado.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.