Destaque

A Resolução 1488/2020, da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), destaca: “As cerimônias de posse dos eleitos dos Poderes Executivo e Legislativo para o mandato 2021-2024 devem ser realizadas preferencialmente por meio de videoconferência, garantindo a transmissão remota a todos que possam interessar”. O texto apresenta estratégias para evitar a aglomeração de pessoas e a disseminação do coronavírus.

Assinado pelo secretário de Saúde do Paraná, Beto Preto, o documento orienta que nos casos excepcionais de realização presencial, ficam autorizados a participar da cerimônia apenas as autoridades eleitas e um acompanhante, a equipe de apoio e profissionais de imprensa previamente credenciados.

“O local deve garantir espaço físico suficiente de modo que as pessoas que permanecerem no local mantenham o afastamento físico de no mínimo um metro e meio dos demais em todas as direções.” Em relação aos pronunciamentos, a resolução aponta que não devem ser feitos “por todas as autoridades que compõem a mesa, apenas o prefeito empossado e o presidente da Câmara”.

A equipe do cerimonial deverá organizar a recepção dos convidados, a afluência das autoridades e a disposição no local, encaminhando e acompanhando autoridades e personalidades para evitar aglomeração. As solenidades serão realizadas no dia 1º de janeiro de 2024.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.