Destaque

A 14ª Regional de Saúde fez um alerta: o cronograma de vacinas contra a Covid-19 que circula em grupos de mensagens é falso. A informação teria chegado até moradores de diferentes municípios do Noroeste do Paraná, com datas previstas para a imunização de pessoas entre 18 e 71 anos de idade.

Chefe regional de Epidemiologia, Samira Silva explica que as doses das vacinas são distribuídas para as secretarias municipais de Saúde seguindo o Plano Nacional de Imunização (PNI). A partir daí, cada equipe de imunização define as estratégias a serem adotadas para fazer a aplicação. A orientação é que a vacinação seja feita o mais rapidamente possível, para ampliar o número de pessoas imunizadas.

Cada remessa de imunizantes que chega à Regional de Saúde é destinada a um público específico. A última, entregue na segunda-feira (22) é para pessoas de 70 a 79 anos. Alguns municípios também seguem vacinando profissionais de saúde.

Desde 19 de janeiro, quando o primeiro lote foi enviado ao Noroeste do Paraná, a 14ª Regional de Saúde contabilizou 35.480 doses distribuídas. Desse total, 21.776 foram aplicadas, sendo que 17.080 pessoas receberam a primeira dose e 4.692 a segunda.

GRUPOS PRIORITÁRIOS – Seguindo o PNI estão definidos até agora como grupos prioritários para a vacinação contra a Covid-19: pessoas com 60 anos ou mais e pessoas com deficiência institucionalizadas; povos indígenas; trabalhadores de saúde; pessoas com 70 anos ou mais; povos e comunidades ribeirinhas e quilombolas.

As próximas etapas incluem pessoas com 65 a 69 anos, população de 60 a 64 anos, pacientes com comorbidades, pessoas com deficiência permanente, quem se encontra em situação de rua, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional, trabalhadores do ensino básico e do ensino superior, forças de segurança e salvamento e forças armadas.

A lista termina com trabalhadores dos setores de transporte coletivo rodoviário de passageiros, transportes metroviário e ferroviário, transporte aéreo e transporte de aquaviário, além de caminhoneiros e profissionais portuários e industriais. Ainda não há datas estipuladas para cada público.

FAKE NEWS – A imagem que circulou pelas redes sociais indicava uma série de dias para a imunização da população. Só para citar alguns exemplos: pessoas de 69 a 71 anos seriam vacinadas em 27 de março; na faixa etária de 48 a 50, no dia 25 de maio; quem tem de 24 a 26 anos seria imunizado em 24 de julho; e de 18 a 28 anos, no dia 8 de agosto.

Depois de negar a veracidade da imagem, Samira Silva destaca que é importante não compartilhar qualquer informação antes de confirmar se é oficial. Ela aponta a necessidade de verificar os dados junto aos órgãos oficiais, que seguem o PNI: Secretaria de Estado da Saúde, Regional de Saúde e Secretaria Municipal de Saúde.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.