Esporte
O vídeo do presidente do Santos, José Carlos Peres, dizendo que vai “matar os gambás” no Paulistão foi assunto no Corinthians, ontem, dois dias antes de as equipes se enfrentarem pelo duelo de ida da semifinal. Os volantes Ralf e Júnior Urso criticaram a atitude do dirigente santista.
“Chegou no celular de todos, pegou de surpresa, ainda mais véspera de um clássico tão importante. Mas são coisas que acontecem internamente, mas vamos focar no nosso objetivo e dar a resposta em campo. Fora de campo não adianta, é melhor focar nas quatro linhas. Somos adversários, não somos inimigos. Claro que sobrecarrega num clássico desse, numa semifinal, mas temos que focar em jogar, nosso objetivo maior é vencer esse jogo”, disse Ralf.
“Acho que já aconteceu muito no futebol, antigamente era normal presidente ou jogadores provocando, era normal no passado. Mas o futebol mudou dentro e fora do campo, tem que ter respeito. É uma opinião dele se expressar desta forma. Temos que nos permanecer calmos, de repente é para tentar nos desestabilizar. Temos que ser maduros para não absorver coisas ruins”, endossou Júnior Urso.
O vídeo de Peres viralizou na noite da última quinta-feira, após as definições das datas e horários dos clássicos nas semifinais do Paulistão. Corinthians e Santos fazem o primeiro confronto neste domingo, em Itaquera, e decidem a vaga no dia 8, uma segunda-feira, no Pacaembu.
“Segunda-feira, todo mundo aqui no Pacaembu. Vamos lotar, esgotar esses ingressos imediatamente. Vamos fazer um grande jogo contra o Corinthians já no primeiro jogo, e no segundo a gente mata os gambás de vez”, afirmou Peres no vídeo. 

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.