Amadorismo
No sábado, 21, o São Lucas/Cresol, se despediu do Campeonato Paranaense de Futsal da Chave Ouro, em jogo realizado em Paranavaí. Sofreu nova goleada, agora por 5 a 1, imposta por Campo Mourão.
Perante menos que 50 torcedores no Ginásio Lacerdinha, o time de Paranavaí não conseguia impedir as jogadas diante do nível do adversário. Com isso, terminou o primeiro tempo perdendo por 2 a 0.
No início do segundo tempo, Igor diminuiu para o São Lucas, que tentou o empate com o goleiro linha. Mas, Campo Mourão não possibilitava a conclusão das jogadas e aproveitou a fragilidade do jovem elenco paranavaiense, aumentando o placar sem maiores esforços.
A segunda fase do Paranaense começa no dia 2 de outubro com os play-offs.
Outros resultados: Marechal Rondon 5×3 Pato Futsal, Marreco 5×3 Dois Vizinhos, São José 4×2 Umuarama, Palmas 2×2 Matelândia.
FICHA TÉCNICA
São Lucas 1×5 Campo Mourão
Jogo da 26ª rodada do Paranaense da Chave Ouro
Local – Ginásio Lacerdinha em Paranavaí
Data – 21/09/19
Árbitros: Flávio Marques e Alessandro Belentani
Anotador – Adriano Batista da Silva
Cronometrista – Rogério Garcia
Gols: Fabinho (2), Ernandes (2) e Fabrício (Campo Mourão), Igor (São Lucas).
Equipes:
São Lucas/Cresol – José Mateus, Wellington, Marcinho, Léo Silva, Caio, Renan, Arthur, Matheus, Ronildo, Igor, Tiago e Samuel; técnico Carlos Giuliano da Silva.
Campo Mourão: Jhol, Betinho, Fabrício, Caio, Fabinho, Ernandes, Kevin, Luiz, Vini e Vitor Hugo; técnico Wesley Lima Szabo.
TREINADOR – O técnico Carlos Giuliano citou que a queda para a Série Prata já estava definida. Com isso, o jogo foi apenas para cumprir tabela. “Agora vamos voltar as atenções para a categoria Sub-20. Tenho alguns projetos fora o São Lucas. Ele reconheceu, no entanto, que a permanência é incerta.
O técnico revela que teve convites de alguns clubes, mas, prefere esperar o fim do ano para definir o futuro.
Giuliano elogiou o patrocínio da Cresol, mas ressaltou que em uma Série Ouro precisa de mais, pois os gastos são enormes.
O auxiliar Leandro Primavera também opinou sobre a queda do time para a Chave Prata. “Foi um ano foi atípico para o São Lucas, não deu nada certo. Agora é esperar o que poderá acontecer na Chave Ouro, temos mais uma competição esse ano que é a Copa Paraná”. Primavera foi atleta do São Lucas, onde começou a carreira.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.