Esporte
RIO DE JANEIRO – A preparação para a 3ª rodada da fase de grupos da Libertadores começou na tarde de ontem e com Abel Braga no Ninho do Urubu. O treinador comandou o treino, mas antes do inícios das atividades, os atletas fizeram uma homenagem ao professor.
“Isso foi emocionante. Me levou às lágrimas. Tínhamos tudo planejado, as substituições, etc… Não tinha percebido que eram oito jogadores da casa. Se tiverem gestão de carreira, têm tudo para ter um futuro bom”, disse o Abel.
“O torcedor tem que se orgulhar desse grupo. Não vai ganhar tudo como se fala. Mas podem sentir orgulho. Os valores morais estão muito altos”, completou.
Por orientação médica, Abel não comandou a equipe na final da Taça Rio e falou sobre a emoção de ter que acompanhar de casa.
“Não precisava ser tanta (emoção). Existe convicção, o jogo começou a ser preparado na quarta. Já tinha dito que eles iam jogar. Foi tudo muito bem colocado, dentro dos prós e contras. Quer coisa mais importante do que a vitória ontem? Foi ver todos os titulares lá, sem ninguém precisar falar nada. Eles se reuniram e foram ao estádio apoiar”, disse.
O comandante rubro-negro aproveitou para analisar o Peñarol e avisou que quarta-feira ele não fica de fora de jeito nenhum. “Peñarol tem muito peso. Melhoraram bastante depois da estreia com derrota. Três vitórias consecutivas na Libertadores não sei se o Flamengo já conseguiu. Nesse jogo em não poderia ficar fora”.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.