Local
REINALDO SILVA
O boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) divulgado na terça-feira (2) coloca Paranavaí como a nona cidade do Noroeste do Paraná a entrar em epidemia de dengue, com 369 casos positivos da doença. Pela atualização da Administração Municipal, no entanto, foram 760 confirmações até quarta-feira (3).
A diferença entre os dados da Sesa e da Prefeitura de Paranavaí são explicadas por dois fatores. O primeiro é a distância entre a data em que o sistema de informações é abastecido no âmbito regional e o momento da divulgação estadual, um período de cinco dias.
Também é preciso considerar que a classificação de Paranavaí como município em epidemia de dengue faz com que todos os registros de casos suspeitos da doença sejam apontados como positivos. É o chamado critério clínico-epidemiológico.
Para que a situação seja de epidemia, é necessário alcançar a incidência de 300 confirmações laboratoriais para cada 100 mil habitantes. Levando em conta essa proporção, aparecem na lista do Noroeste do Paraná, junto a Paranavaí: Amaporã, Cruzeiro do Sul, Loanda, Nova Londrina, Paranapoema, Querência do Norte, Santa Isabel do Ivaí e São Carlos do Ivaí. 

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.