Local
O deputado federal Rubens Bueno (Cidadania) esteve ontem em Paranavaí prestando contas de suas atividades relativas a 2018. Aproveitou para fazer uma visita ao Diário do Noroeste, falando de suas atividades.
Segundo o parlamentar, este também é um momento de ouvir as demandas da população. “Em meu mandato a característica de ser transparente e com a participação efetiva da população sempre esteve presente. Além de ser eticamente importante, realizar as prestações de contas ajuda a mostrar o resultado do nosso trabalho diretamente para a comunidade”.
Um de seus principais projetos é o que regulamenta o teto salarial do serviço público e acaba com os chamados “supersalários”. Espera que neste ano sua proposta seja aprovada, acabando com os privilégios. É que hoje, com uma série de penduricalhos, muitas categorias conseguem receber bem acima do teto estabelecido pela constituição, ou seja, mais de R$ 39,2 mil.
REFORMA DA PREVIDÊNCIA – O debate sobre a reforma da Previdência também foi tema abordado pelo deputado, assim como a participação do ministro da Economia, Paulo Guedes, em audiência na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara (CCJ), na última quinta-feira.
Rubens Bueno é a favor da reforma da Previdência, porém, defende alguns ajustes. Para o parlamentar, se nada for feito agora o país afundará em uma crise. No entanto, defende que alguns pontos da proposta precisam ser alterados no Congresso. 
Se posicionou contra as mudanças propostas para o Benefício de Prestação Continuada (BPC) e para a aposentaria rural que, segundo ele, são benefícios recebidos pela parcela mais humilde da população. 
ÁREA POLÍTICA – A presença do ministro da Economia, Paulo Guedes, na Câmara dos Deputados, na última quinta, foi marcada por tumulto. Rubens Bueno considera um “episódio triste” o que ocorreu, em relação ao bate-boca entre o ministro e o deputado Zeca Dirceu.
Sobre o governo Jair Bolsonaro, diz que ele ainda não deslanchou, vê falta de articulação política, desorganização da base e excesso de polêmicas pelas redes sociais. “É preciso mais diálogo e menos ´tuitadas´ provocativas. Menos twitter e mais trabalho”, disse o parlamentar no início dessa semana, na Câmara.
Para Rubens Bueno, o presidente Jair Bolsonaro deveria se ocupar menos em provocar polêmicas e passar a traçar metas mais assertivas para o seu governo. 
FÁVERO NETO – O vereador Leônidas Fávero Neto acompanhou Rubens Bueno na visita ao Diário do Noroeste, assim como o professor Cláudio Aparecido de Souza, e David Ferreira Grandi (assessor do vereador), sendo recebidos pela jornalista Tânia Mara Bogoni.
O vereador Leônidas tem seu nome ventilado como possível candidato a prefeito de Paranavaí na eleição do próximo ano. Perguntado, disse que sua candidatura “é uma possibilidade, vamos ver a configuração”.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.