Local
Os professores da Universidade Estadual do Paraná (Unespar), campus de Paranavaí, decidiram apoiar oficialmente a greve iniciada pelos acadêmicos na semana passada. Em assembleia realizada anteontem, votaram pela paralisação do calendário acadêmico até o fim do protesto estudantil.
Desde que começaram a greve, os alunos ocuparam o campus e seguem com as reivindicações para a convocação de professores e agentes universitários aprovados em concurso público e pedem a realização de novos processos seletivos para a contratação de mais profissionais. 
Atualmente, seria necessário fazer a reposição de 36 docentes e 46 agentes universitários. No entanto, em recente decisão do Governo do Estado, apenas cinco disciplinas ministradas em Paranavaí foram contempladas com a liberação de contratações.
Na avaliação dos estudantes, o déficit de profissionais compromete a qualidade do ensino e das atividades de pesquisa e extensão. Além disso, afeta o andamento dos trabalhos administrativos (grande parte desempenhada por estagiários).

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.