Local
REINALDO SILVA
Você já deve ter se deparado com campanhas para doação de sangue em nome de pacientes hospitalizados. Vez ou outra, os pedidos circulam pelas redes sociais e mobilizam familiares e amigos. Há casos em que dezenas de pessoas se propõem a participara para ajudar.
Responsável técnica pelo Hemonúcleo Regional de Paranavaí, Maria Luiza Dias Fraga Peron conta que todas as doações são importantes, mas precisam acontecer de maneira organizada. Por isso, apresenta algumas orientações sobre como os voluntários devem proceder.
Inicialmente, ela explica que existem três tipos de doações de sangue. A espontânea é quando as pessoas se apresentam voluntariamente, sem saber para quem o sangue será destinado. “O objetivo é ajudar o próximo, não importando quem seja.”
Outra situação é a doação autóloga, quando o sangue é para o próprio paciente. Acontece quando a pessoa será submetida a um procedimento cirúrgico e antecipa o estoque de sangue. O material coletado é liberado exclusivamente para esse doador.
A terceira possibilidade é a doação para reposição. Sempre que um paciente hospitalizado precisa receber sangue, o hemonúcleo faz o repasse das bolsas, mas pede que o material seja reposto, para que consiga manter o estoque regular e possa atender as demandas diárias. Para cada unidade disponibilizada, são requisitadas duas doações.
Mas não é preciso ter pressa. Maria Luiza afirma que o ideal é entrar em contato com a equipe do hemonúcleo “para fazer o agendamento organizado da coleta”. Ela conta que em uma situação específica, cerca de 100 pessoas foram no mesmo dia para fazer a doação. “Não tivemos e não temos condição de atender a todos.”
De acordo com a responsável técnica pelo Homenúcleo Regional de Paranavaí, a reposição por paciente não é obrigatória e ele não deixará de ser atendido se não conseguir fazer as devidas reposições. “É uma forma de ajudar. As doações podem ser feitas com calma, sem pressa. Não precisa vir todo mundo ao mesmo tempo.”
O contato prévio também é importante para que os voluntários sejam orientados quanto à faixa etária e às condições de saúde exigidas para que possam doar. 

SERVIÇO
– O Hemonúcleo Regional de Paranavaí fica na Rua Rio Grande do Sul, 2.390, em frente à Santa Casa. O telefone para contato é (44) 3421-5160. Os atendimentos são feitos de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 11 horas e das 13 horas às 14h30.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.