Local
REINALDO SILVA
Representantes de 29 municípios do Noroeste do Paraná se reunirão em Paranavaí, nesta quinta-feira (11), para a Conferência Regional de Segurança Alimentar e Nutricional. A ideia é discutir os problemas e propor diretrizes que serão levadas para o debate em nível estadual, em Curitiba.
Três eixos foram definidos para guiar a conferência: alimentação como princípio de existir, desafios e possibilidades na construção das políticas públicas e geografia da fome e o desperdício dos alimentos.
De acordo com o chefe do núcleo regional da Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento (Seab), Ênio Luiz Debarba, as conferências funcionam no sentido de ampliar e fortalecer os compromissos para a promoção da soberania alimentar, garantindo o direito humano à alimentação adequada.
Debarba falou sobre a importância do debate democrático na articulação de ações sociais voltadas para a segurança alimentar, a agricultura familiar e a produção de alimentos orgânicos, principalmente diante da política nacional de liberação do uso de agrotóxicos.
CONFERÊNCIAS – Para chegar até aqui, foram realizadas conferências municipais sobre o tema, ao longo de junho. Três representantes de cada uma foram nomeadas para participar do evento em âmbito regional. 
Todos trabalharão na elaboração de um documento que seguirá para a conferência estadual. Após o encontro de Curitiba, as demandas identificadas no Paraná serão levadas para a conferência nacional, onde serão definidas deliberações destinadas ao Governo Federal.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.