Local
A peça, com entrada gratuita, será apresentada nos dias 10 e 11 de maio na Casa da Cultura Carlos Drummond de Andrade, em Paranavaí, Cia. Stavis Damaceno, de Curitiba, que completa 15 anos de existência e atividades de investigação da cena teatral, produção e difusão, além de trabalhar com processos pedagógicos em teatro.
Psicose 4h48 é o último texto da inglesa Sarah Kane e que discorre sobre depressão psicótica e sobre o que acontece à mente de uma pessoa quando desaparecem por completo as barreiras que distinguem a realidade das diversas formas de imaginação.
A montagem, que estreou em 2004 em Curitiba, rendeu a Rosana Stavis o Troféu Gralha Azul de melhor atriz do ano e, desde sua estreia, atingiu mais de 25.000 espectadores.
Sarah Kane, representante da dramaturgia inglesa contemporânea, tornou-se conhecida pelo modo como a sua carreira começou, com a extraordinária polêmica que provocou sua peça de estreia, Blasted, e pelo modo como terminou: com seu suicídio e a encenação póstuma de sua quinta e última peça, Psicose 4h48.
Durante toda a sua curta vida, Kane foi atormentada por acessos depressivos. A cada nova ocorrência esses acessos foram gradativamente levando-a a um processo de suicídio que teve fim em 1999, aos 28 anos de idade. 
A experiência desses episódios e os tratamentos médicos a que teve que se submeter formaram a matéria-prima para a construção deste seu último texto.
SERVIÇO:
Quando? 10 de maio às 20h e 11 de maio às 16h e 20h
Onde? Casa da Cultura Carlos Drummond de Andrade
Quanto? Entrada Grátis
Classificação: 18 anos
Este projeto é aprovado no Programa Estadual de fomento e Incentivo à Cultura/ PROFICE da Secretaria de Estado da Cultura / Governo do Estado do Paraná com apoio da COPEL.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.