Local
REINALDO SILVA
Os ensaios começaram há aproximadamente dois meses. São mais de 50 pessoas envolvidas na produção inédita em Paranavaí: a primeira vez que um grupo de atores encenará a Paixão de Cristo em um único local, o Centro de Eventos Armando Trindade Fonseca. Será na sexta-feira (19), às 20 horas.
A ideia de fazer a apresentação ao ar livre surgiu quando a vice-prefeita de Paranavaí, Jeanne Kato, percebeu que aquele ambiente seria favorável para contar a história dos últimos momentos de Jesus antes de ser crucificado, conforme a narrativa bíblica. “Vi um paredão enorme lá fora e, na parte de trás, um gramado íngreme.”
Seria o cenário ideal para fazer a encenação e garantir comodidade para os espectadores. “Lá haverá tranquilidade para recebermos centenas de pessoas. Se chover, faremos a apresentação na parte de dentro [do Centro de Eventos]”, destacou Jeanne.
Além de contar a história do personagem que é símbolo da fé cristã, promover a apresentação resultará na promoção da cultura local. “Queremos usar este momento tão importante para incentivar ainda mais a arte em nossa cidade.”
De acordo com a vice-prefeita, todas as pessoas envolvidas na produção são voluntárias e contribuem não só na preparação das 15 estações que levaram Jesus à morte. Mais do que isso, “estamos costurando todas as roupas e procurando caprichar ao máximo. Desta forma, a cada ano poderemos evoluir mais”.
APOIO DA IGREJA – Jeanne contou que assim que teve a ideia de encenar a Paixão de Cristo, procurou o bispo diocesano dom Mário Spak. Ele sugeriu que a vice-prefeita conversasse com o padre Nilton Reami, pároco na Igreja São Paulo. Ele concordou com a proposta e ofereceu apoio.
Após reuniões com o grupo que se apresenta anualmente na forma de procissão e teatro, a vice-prefeita buscou outras parcerias para viabilizar o espetáculo. Assim que todos os detalhes estavam acertados, começaram a ensaiar.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.