Local
REINALDO SILVA
A Carteira Nacional de Habilitação eletrônica (CNH-e) tem a mesma legitimidade e o mesmo valor jurídico do modelo impresso. O documento digital foi normatizado pela Resolução 598/2017 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). Mesmo assim, é pouco utilizado por motoristas de Paranavaí, segundo o 8º Batalhão de Polícia Militar.
Para obter o documento eletrônico é preciso baixar o aplicativo CNH Digital, disponível para aparelhos com os sistemas operacionais iOS e Android. O acesso à versão digital é gratuito, bem como a adesão ao sistema do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e o download do aplicativo. 
De acordo com informações do Detran-PR, o serviço está disponível para motoristas que tenham a versão da CNH com QR Code, que é o código escaneável em aparelhos eletrônicos, por exemplo, telefones celulares e tablets. É encontrado nos documentos emitidos a partir de maio de 2017.
Os motoristas que não possuem a versão impressa da Carteira Nacional de Habilitação e querem adquirir a CNH-e podem requisitar a segunda via do documento ou devem esperar até a próxima renovação. 
A assessoria de comunicação do 8º Batalhão de Polícia Militar de Paranavaí informou que a CNH digital é tão segura quanto a versão física do documento. Em ações de fiscalização ou abordagens policiais, a verificação é feita por aplicativo, utilizando o QR Code.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.