Paranavaí
A polícia tentava localizar ontem à tarde os três ladrões que fizeram uma série de quatro roubos em três cidades diferentes da região Noroeste.
A ação não deve ter sido planejada pelos larápios, que estavam armados, já que correram enorme de risco de serem presos durante a fuga.
O caso ocorreu ontem no início da manhã. Primeiro, durante a madrugada, por volta das 5h30, roubaram um carro GM Vectra em Nova Londrina, fugindo pela BR-376, sentido a Paranavaí. Mas decidiram ir para a Guairaçá. 
Nesta cidade, por volta das 6h, roubaram dinheiro um motorista que estava estacionado com seu caminhão no pátio de um posto de combustível. O motorista informou que por volta das 6h desceu do caminhão, onde estava a mulher e uma criança, para ir ao banheiro, quando foi rendido por três bandidos armados com uma espingarda.
O motorista perdeu R$ 60 reais e um cheque, informando aos policiais que os bandidos utilizavam um Vectra.
Enquanto atendiam a esse roubo, os policiais de Guairaçá foram informados de roubo em Terra Rica, por volta das 6h30. Os bandidos levaram dinheiro, cigarros e uma caixa de cerveja em lata e fugiram sentido a Diamante do Norte.
Instantes depois, os policiais foram informados que o Vectra tinham sido abandonado às margens da PR-557, próximo ao distrito de Adhemar de Barros, com um dos pneus estourados. Dentro do carro estava um celular e um teclado. 
A ação não parou. Os policiais receberam telefonema do segurança de uma Usina informando que três homens, um deles com espingarda, sob ameaça, roubaram uma Fiat Strada Working, de cor branca, e fugiram sentido ao distrito de Adhemar de Barros.
Os bandidos não tinham sido localizados até o final da tarde de ontem.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.